Sexta, 03 de Dezembro de 2021
23°

Poucas nuvens

Nova Santa Rosa - PR

Polícia Ameaça

Menor é sequestrada, agredida, torturada e ameaçada de morte em Pato Bragado

Autores seriam o ex-namorado e a irmã dele, que cometeram os crimes alegando que ela teria feito macumba para a mãe

01/10/2021 às 09h19 Atualizada em 01/10/2021 às 13h16
Por: Redação Fonte: Rádio Difusora
Compartilhe:
Menor é sequestrada, agredida, torturada e ameaçada de morte em Pato Bragado

Em Pato Bragado uma menor foi sequestrada, agredida, torturada, ameaçada e teve o cabelo cortado. O caso foi registrado no dia do aniversário da adolescente, que nesta quinta-feira (30) completou 16 anos.

Informações extraoficiais dão conta de que a jovem estaria em casa, quando chegou ao local seu ex-namorado, acompanhado da irmã dele, e chamaram a aniversariante para dar uma volta, para festejar.

A menor contou que os irmãos pararam o veículo em diversos pontos, sendo um deles o cemitério de Entre Rios do Oeste, onde praticaram diversos crimes.

A adolescente foi espancada, apresentando vários hematomas pelo corpo, foi ameaçada e torturada com tesoura e alicate, e teve seu cabelo cortado, todo picotado.

Ela contou ainda que os agressores falaram que a cova dela estava pronta e que a enterrariam viva no cemitério.

Antes de libertarem a vítima, os agressores a ameaçaram e disseram para não procurar a polícia, caso contrário, eles colocariam fogo em sua casa ou furariam seu os olhos. Eles teriam falado que até mesmo matariam o seu bebê de apenas um ano de vida.

A menor foi libertada e procurou atendimento médico na Unidade de Saúde de Pato Bragado, onde contou que os autores, o ex-namorado e a ex-cunhada, seriam moradores de Marechal Rondon, os quais foram devidamente identificados, sendo que o caso foi repassado à Polícia Civil.

A ex-cunhada acusou a adolescente de que ela teria feito “macumba” para sua mãe, por isso das agressões. Os irmãos alegaram ainda que somente não iriam matá-la, porque haviam fumado maconha e estariam “tranquilos”.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias